até
1981 | Movimento Sindical

Realiza-se a I Conclat (Conferência Nacional da Classe Trabalhadora)
CONTEXTO

Com a diretoria cassada e lideranças presas pelo regime militar, a diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo e Diadema decide, contra as determinações do Ministério do Trabalho, convocar uma reunião entre sindicalistas. O objetivo era organizar um Encontro e discutir conjuntamente os destinos do movimento sindical. Nessa reunião, 183 sindicalistas de 13 Estados lançam um manifesto convocando os trabalhadores para um Congresso da Classe Trabalhadora, CONCLAT, para 21 a 23 de agosto, em Praia Grande (SP).

Conclamam para a luta unitária entre trabalhadores da cidade e do campo contra a política recessiva do governo. Todos os sindicalistas alinhados a diferentes correntes de pensamento estavam presentes.

O congresso define a substituição imediata da CLT por um novo Código Nacional do Trabalho elaborado com a participação dos trabalhadores, em que constasse a estabilidade no emprego, a redução da jornada para 40 horas, eliminação das horas-extras e direito de greve, entre outras. Exigiam também liberdade e autonomia sindical, com direito de fundarem uma central sindical, direito de sindicalização para os servidores públicos e organização por local de trabalho. Reivindicam também, reajustes trimestrais dos salários, unificação das datas-base, revogação da Lei de Segurança Nacional, anistia ampla geral e irrestrita e por uma reforma agrária radical sob o controle dos trabalhadores.

Aprovaram um plano de lutas que apontava um Dia Nacional de Luta (1º de outubro de 81). Por fim, constituíram uma comissão pró-CUT (Central Única dos Trabalhadores) para debater e levar adiante a fundação da central sindical, no ano seguinte. Acirram-se as divergências entre duas correntes sindicais quanto às críticas a estrutura sindical, a participação das oposições sindicais e sobre a análise do período político vivido no país. Apesar da tentativa, não acontece, em 1982, o tão esperado congresso de fundação da CUT.

 
 

Imprimir contexto
REPERCUSSÃO NA MÍDIA
Clique nas imagens para ampliar
IMAGENS
Clique nas imagens para ampliar
IMPRENSA SINDICAL
DEPOIMENTOS
Clique nas fotos para ler os depoimentos:

Hélio Bombardi

Waldemar Rossi

Antonio Augusto Oliveira de Campos

Luiz Inácio Lula da Silva

Jacó Bittar

Sebastião Lopes Neto

Valderi Antão Ruviaro, Valdo
CAMPANHA SALARIAL
Veja o que aconteceu na Campanha Salarial em 1981
ELEIÇÕES
Reveja os detalhes da eleição de 1981
MANDATOS
Conheça diretores e cargos entre 1978 e 1981.
© Copyright 2009, ABC de Luta! Memória dos Metalúrgicos do ABC - Todos os direitos reservados

Mapa do Site Fale Conosco Créditos Política de Privacidade

smabc.org.br