até
1999 | Metalúrgicos do ABC

Greve contra as demissões na Ford
CONTEXTO

No dia 18 de dezembro de 1998, às vésperas do Natal, a Ford anuncia demissões para 2.800 trabalhadores. O quadro econômico do país agravava-se e a produção da fábrica entrava em declínio. O Sindicato, em regime de plantão, inicia imediatamente uma mobilização para resistir às demissões. Começava um dos mais organizados movimentos pelo emprego que o Brasil conheceu até então. A luta chegou a virar símbolo nacional. A primeira orientação do Sindicato aos trabalhadores era ir para fábrica e trabalhar normalmente. No dia 5 de janeiro de 1999, a empresa dá licença remunerada aos 2.800 funcionários na tentativa de quebrar o movimento.
O dirigente do Sindicato, Luiz Marinho, apresenta proposta de renovação da frota que consistia num programa de incentivos à substituição paulatina de veículos velhos em circulação por veículos novos. O governador do Estado, Mário Covas e o presidente Fernando Henrique Cardoso acenaram favoravelmente com acordos. A Ford muda de postura e aceita negociar a suspensão das demissões. Das 2.800 demissões anunciadas, 1.450 receberam licença remunerada (sistema lay-off), dos quais mil recuperaram seus empregos e os demais optaram pelo afastamento da fábrica. A empresa ofereceu, ainda, o pagamento de 60% do salário atual por ano trabalhado e mais um ano de assistência médica.
Encerrado o episódio, os trabalhadores da Ford queriam definição sobre o futuro da fábrica em São Bernardo. Realizaram seminários, assembléias e apresentaram à fábrica a ampliação do “mix” de produtos como alternativa, além de discutir os segmentos de caminhões leves e pesados e novos segmentos de automóveis. Por outro lado, tanto o Sistema Único de Representação, quanto o Comitê Sindical da Empresa rejeitaram a proposta da fábrica de pagamento do PLR (Participação nos Lucros e Resultados) baseado em metas de produção e absenteísmo.

Imprimir contexto
REPERCUSSÃO NA MÍDIA
Clique nas imagens para ampliar
IMAGENS
Clique nas imagens para ampliar
IMPRENSA SINDICAL
DEPOIMENTOS
Clique nas fotos para ler os depoimentos:

Paulo Aparecido Silva Cayres

Rafael Marques da Silva Junior
CAMPANHA SALARIAL
Veja o que aconteceu na Campanha Salarial em 1999
CONGRESSOS
Congressos realizados no ano de 1999
ELEIÇÕES
Reveja os detalhes da eleição de 1999
MANDATOS
Conheça diretores e cargos entre 1996 e 1999.
© Copyright 2009, ABC de Luta! Memória dos Metalúrgicos do ABC - Todos os direitos reservados

Mapa do Site Fale Conosco Créditos Política de Privacidade

smabc.org.br